Skip to content
David Fincher é um desses diretores renomados pela atenção nos detalhes. Ele recriou as roupas que Mark Zuckerberg usava para o The Social Network. Parece que ele levou algumas árvores de helicóptero até um dos cenários de Zodiac apenas para recriar o Lago Berryessa com toda meticulosidade possível. Mas eu nunca tinha pensado na forma com a qual ele trata do design de som dos seus filmes até agora.

O design de som de David Fincher

David Fincher é um desses diretores renomados pela atenção nos detalhes. Ele recriou as roupas que Mark Zuckerberg usava para o The Social Network. Parece que ele levou algumas árvores de helicóptero até um dos cenários de Zodiac apenas para recriar o Lago Berryessa com toda meticulosidade possível. Mas eu nunca tinha pensado na forma com a qual ele trata do design de som dos seus filmes até agora.

O video abaixo mostra como que a atenção de David Fincher para os detalhes também se estende aos seus ouvidos. O vídeo é curto, mas mostra bem como que a chuva incessante altera o filme, como que as teclas são apertadas com intenção e como os ruídos dos seus filmes tem um objetivo. Esse objetivo é o de transformar mundos cinematográficos em lugares reais, cheios de perigo, perguntas e emoção.

Revolveres giram, cigarros queimam, chaves se movem, papel se esfrega em mais papel e por aí vai. Tudo isso em menos de dois minutos num vídeo criado pelo pessoal da Little White Lies, uma revista de cinema do Reino Unido.

E se David Fincher é alguém que te interessa, já publiquei algo sobre o que ele não faz em 2014.

O design de som de David Fincher no YouTube

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.