Skip to content

top 2013

Pain is Beauty da Chelsea Wolfe

pain is beauty

Um amigo meu foi no show da Chelsea Wolfe e descreveu o som dela como uma Enya do inferno. Tenho certeza que ele foi bem sincero com isso e ao escutar esse disco, essa imagem fica bem próxima da minha cabeça. O que acaba fazendo sentido já que ela costuma abrir shows para bandas como Boris, SunnO))) e Swans e já disse que Of Ice and Movement do Gorgoroth é uma de suas músicas favoritas. E nesse momento, eu fiquei me perguntando por que que não fui ver esse show.

Read More »Pain is Beauty da Chelsea Wolfe

O Valient Thorr é uma banda que não me decepciona mais. Nos últimos anos, consegui ver o show deles três vezes e sei que, na próxima vez que eles vierem para cá, verei o show deles novamente. E não é só ao vivo que a banda anda cada vez melhor. Our Own Masters é um exemplo da evolução da banda nas músicas. Só aquela parte final de Torn Apart já destrói mais da metade dos lançamentos de rock de 2013. Se você ver o vídeo abaixo, vai entender perfeitamente o que estou falando.

Our Own Masters do Valient Thorr

O Valient Thorr é uma banda que não me decepciona mais. Nos últimos anos, consegui ver o show deles três vezes e sei que, na próxima vez que eles vierem para cá, verei o show deles novamente. E não é só ao vivo que a banda anda cada vez melhor. Our Own Masters é um exemplo da evolução da banda nas… Read More »Our Own Masters do Valient Thorr

Earth Rocker do Clutch

Clutch-Earth-Rocker

Seguindo com minha lista de melhores disco de 2013, chego no Earth Rocker do Clutch que é dos melhores discos do ano sem medo. E, preciso ser sincero, o Clutch é uma das poucas bandas pesadas dos dias de hoje que realmente faz alguma coisa relevante no mundo. Se você gosta de alguma coisa de heavy metal e não gosta ou não conhece Clutch, você é um idiota.

Todo mundo chega ao Clutch por motivos completamente diferentes. Como o som deles hoje é uma versão atual de como soaria o filho do Lynyrd Skynyrd com o Allmann Brothers, muita gente hoje chega a eles por saber disso. Meu caso é um pouco diferente já que conheci eles na época de Shogun Named Marcus e acabei vendo a banda evoluir o som deles até chegar nesse blues rock que eles tocam hoje. Em Earth Rocker, acredito que exista uma influência maior do início da carreira dele quando se compara esse disco com os outros dois anteriores. Não sei se estou errado mas Earth Rocker e Crucial Velocity são roqueiras demais para não me lembrar o passado deles.

Read More »Earth Rocker do Clutch

Stomach Earth

Seguindo com minha lista de melhores disco de 2013, chego numa das estranhas descobertas que apareceram por aqui. Stomach Earth é o nome da banda e esse nome horroroso representa bem o som deles. Projeto solo do Mike “Gunface” McKenzie, que toca guitarra no Red Chord e toca todos os instrumentos e escreveu todas as letras aqui no Stomach Earth. É… Read More »Stomach Earth

Fleshgod Apocalypse – Labyrinth

FleshGodApocalypse-LABYRINTH

Nunca tinha ouvido falar do Fleshgod Apocalypse até algumas semanas atrás. Ou não. Posso ter lido o nome deles por ai e deixado de lado já que esse nome é o que faz com que tanta gente odeie o metal. Como não sou desses, resolvi dar uma chance para Labyrinth e descobri um dos discos mais legais de 2013.

É meio complicado descrever o som do Fleshgod Apocalypse já que tem muita coisa acontecendo ao mesmo tempo. E não se esqueça de que a banda toca um death metal sinfônico. Sim, tudo nesse disco soa mais grandioso do que é por culpa de vocais épicos, teclados sinfônicos, pianos, efeitos sonoros e guitarras na velocidade da luz. Odeio todos esses elementos e não sei como consegui gostar do Fleshgod Apocalypse.
Read More »Fleshgod Apocalypse – Labyrinth