O Valient Thorr é uma banda que não me decepciona mais. Nos últimos anos, consegui ver o show deles três vezes e sei que, na próxima vez que eles vierem para cá, verei o show deles novamente. E não é só ao vivo que a banda anda cada vez melhor. Our Own Masters é um exemplo da evolução da banda nas músicas. Só aquela parte final de Torn Apart já destrói mais da metade dos lançamentos de rock de 2013. Se você ver o vídeo abaixo, vai entender perfeitamente o que estou falando.

Our Own Masters do Valient Thorr

O Valient Thorr é uma banda que não me decepciona mais. Nos últimos anos, consegui ver o show deles três vezes e sei que, na próxima vez que eles vierem para cá, verei o show deles novamente. E não é só ao vivo que a banda anda cada vez melhor. Our Own Masters é um exemplo da evolução da banda nas músicas. Só aquela parte final de Torn Apart já destrói mais da metade dos lançamentos de rock de 2013. Se você ver o vídeo abaixo, vai entender perfeitamente o que estou falando.

Mas não é só em Torn Apart que a banda acertou a mão. Immaculate Consumption, Master Collider e Cerberus são quase clássicos da banda para mim. Aliás, 80% desse disco deveria estar na lista de melhores músicas de 2013. E eu falo isso sério. Afinal, num mundo onde cada vez mais o metal fica mais barbudo e mais sério e esotérico, é sempre bom ver bandas como o Valient Thorr mostrando que tem como fazer um rock cervejeiro e divertido. Escute o disco que vale a pena.

Our Own Masters do Valient Thorr no Bandcamp

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.