blog.ftofani.com / Esse é o blog pessoal do Felipe Tofani. Onde ele escreve e comenta sobre tudo que acha interessante mas não necessariamente é.

Freibad Lichtenberg: Uma Piscina Abandonada em Berlim

Não dá para nadar na Freibad Lichtenberg desde o final dos anos oitenta. Alguns colocam a responsabilidade disso na queda do mundo de Berlim mas não dá para ter muita certeza disso. Hoje em dia, a piscina está lá, abandonada e apodrecendo no meio de Lichtenberg, um bairro da periferia da capital alemã.

Não dá para nadar na Freibad Lichtenberg desde o final dos anos oitenta. Alguns colocam a responsabilidade disso na queda do mundo de Berlim mas não dá para ter muita certeza disso. Hoje em dia, a piscina está lá, abandonada e apodrecendo no meio de Lichtenberg, um bairro da periferia da capital alemã.

Estive lá em julho de 2014 e demorei alguns anos para me lembrar daquela tarde e só nas últimas semanas que resolvi escrever sobre o assunto no Fotostrasse, meu blog de viagens.

there isn't much left

A Freibad Lichtenberg foi construída em 1928 como uma adição ao BVG-Stadium, que havia sido construído alguns anos antes, em 1920. Esse pequeno complexo de esportes era da empresa que controla o transporte público em Berlim e, dizem as lendas, que foi onde vários atletas estrangeiros treinaram para aquela fatídica Olimpíada de 1936.

Depois da Segunda Guerra Mundial, a Freibad Lichtenberg ficou fechada por vários anos. O motivo disso é que algumas tropas anti-aéreas da Alemanha Nazista estavam estacionadas na região da piscina e elas acabaram se tornando um alvo fácil para as tropas soviéticas que estavam entrando na cidade pelo oeste. Além disso, o local ainda estava sendo usado para guardar munições. Ou seja, várias das bombas que foram jogadas por lá, ainda podem estar no local.

Foi isso dai que impediu que a Freibad Lichtenberg fosse aberta logo depois da guerra. Apenas em 1970 que ela reabriu e, com a reunificação alemã, um processo mais pesado e cuidadoso de restauração do local acabou sendo feito. E, foi ai que descobriram mais do que 5 toneladas de munição e bombas no local, incluindo ai uma bomba aérea de 250 quilos. Fico imaginando todas aquelas pessoas que usavam essa piscina pública no verão brincando e se divertindo em cima de todo esse perigo, sem nem ter ideia do que poderia acontecer com eles.

reflections

from the side

Hoje em dia, a Freibad Lichtenberg está lá apodrecendo a céu aberto. É fácil chegar no local e, quando eu fui visitar a piscina, abri a porta das quadras esportivas que tem na frente, e entrei no local para tirar fotos. Fiquei lá por vários minutos e não vi mais ninguém no local. Dê uma olhada no mapa abaixo e você vai poder encontrar o local facilmente.

Se quiser saber ainda mais sobre o local, visite o artigo que escrevi sobre a Freibad Lichtenberg no Fotostrasse.