Os Filmes de Novembro

Henry-Portrait-of-a-Serial-Killer-DVD-FSK-18-Uncut

Mais um mês que passou onde eu deveria ter assistido mais filmes. A maioria dos que serão mencionados abaixo, só surgiram na minha TV nos últimos 5 dias. Coloco a culpa no sono que eu ando tendo todo dia depois do trabalho e é isso.

Meu filme favorito do mês foi Henry: Portrait of a Serial Killer e é por isso que ele tem destaque logo acima. O filme é da década de oitenta e imagino que ele deve ter sido muito mais pesado para o público daquela época. Mas a ideia do filme é legal já que ali você consegue ver que Henry, o serial killer do título, é uma pessoa quase normal que gosta de matar pessoas de um jeito sempre diferente. Se você gosta desse tipo de filme, esse daqui foi feito para você. Mas, se você acha que filmes devem ser como video clipes onde tudo acontece na velocidade da luz, fique longe.


Um dia desses eu estava lendo sobre o Harrison Ford e como parece que ele não envelhece quando percebi que ele tinha 40 anos quando protagonizou em Blade Runner. Como eu sempre preciso de alguma desculpa para assistir esse filme, resolvi esse problema. Esse continua sendo um dos meus filmes favoritos de todos os tempos e, a cada vez que eu assisto, passo a gostar mais.


Há uns meses, encontrei uma lista com os Totally Fucked Up: Films That Disturb and Offend e resolvi ver o que que tinha por ali que eu nunca tinha assistido. E, bem lá no final, acabei encontrando The Devils que, por coincidência, estava no meu HD há anos. A história aqui é de briga por poder num mundo controlado pela Igreja na França do século 17. Essa luta por poder chega a patamares estranhos quando inclui uma freira que está possuida pelo demônio e um caçador de bruxas maluco. O filme tem um visual bem forte e foi feito para você que gosta de blasfêmia e corrupção na igreja.


Quando comecei a namorar a pessoa que viria a se tornar minha esposa, estávamos num momento de tédio e resolvi colocar um filme neozelandes para assistirmos. Esse filme foi o Black Sheep, onde ovelhas se tornam zumbis bizarros e passam a correr atrás das pessoas. É por isso que eu nunca mais assisti nenhum filme desse gênero com ela. O filme não é ruim, ele só foi feito para pessoas que riem com ovelhas atacando pessoas.


Gone Baby Gone é a estréia de Ben Affleck na direção de um filme hollywoodiano e posso falar que ele estreou de forma bem digna. O filme conta a história de uma criança de 4 anos que é sequestrada e onde a polícia não sabe bem o que fazer para resolver isso. A família então resolve contratar uma dupla de detetives particulares para resolver esse caso e o filme foca no que acontece durante a investigação. Não fique com frescura e assista esse daqui que vale a pena.


Fechando o mês de novembro, deixo aqui que assisti The Crazies anos depois de descobrir esse filme do George Romero, o responsável por colocar o marco inicial nos filmes de zumbi. Esse filme foi produzido entre os clássicos que ele dirigiu e tem um clima similar já que conta a história de uma cidade americana que sofre um ataque de armas biológicas e se torna um marco do caos. Quando o exército aparece para resolver tudo, as coisas pioram ainda mais e ai o filme fica interessante.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.